O que fazer entre um job e outro?

Se até os veteranos de vez em quando têm uma folguinha entre um trabalho e outro, imagine os principiantes! Ficar alguns dias (ou até semanas) sem trabalho pode ser um tanto desesperador para quem está começando, principalmente aqueles que vieram de empregos fixos e são novos na vida de tradutor freelancer.

Para acalmar os ânimos e acostumar com os intervalos entre um job e outro, aqui vão algumas dicas do que fazer com o tempo livre.

Prospectar clientes

Essa é umas das coisas mais importantes (se não a mais) que devemos fazer nos intervalos. Se o volume ainda não está grande e o tempo sobra mais do que falta, é porque o tradutor ainda não tem clientes o bastante para encher sua semana de trabalho.

Portanto, o negócio é ser disciplinado e continuar garimpando, sempre. Inclusive porque mesmo que recebamos trabalhos de um determinado cliente constantemente, não significa que essa fonte é inesgotável. Muitas coisas podem acontecer com esse cliente e, se colocarmos os ovos em uma única cesta, corremos o risco de ficar sem trabalho nenhum.

Prospectar clientes também é bom quando percebemos que nossos clientes atuais não são ainda aqueles que realmente gostaríamos de ter. Só mesmo pesquisando e enviando mais currículos para elevar o patamar dos clientes que atendemos e melhorar nossas condições de trabalho e pagamento.

Organizar-se

Para melhorar a produtividade, nada melhor do que se organizar. Sobrou um tempinho entre um job e outro? Aproveite para:

– arrumar a agenda
– abrir uma planilha com informações sobre seus clientes e trabalhos realizados
– ajeitar pastas e arquivos do computador para facilitar a busca por jobs realizados
– fazer as contas de quanto ganhou nesse mês e quanto quer/precisa ganhar no próximo
– organizar, enviar e responder e-mails pendentes

Resolver pendências

Você mudou de casa há anos, mas a agência do banco continua a mesma, lá longe? Precisa tirar uma segunda via do RG? Está na hora de comprar um tênis novo ou devolver aquele livro para o amigo? Aproveite o intervalo!

Estudar e pesquisar

Clientes propectados, vida organizada. E agora?

Que tal pesquisar sobre assuntos relevantes para a profissão em sites e blogs? Ou estudar um pouco de teoria para aprimorar suas técnicas de tradução e revisão? Ou, ainda, tirar aquele livro de gramática do armário e rever alguns conceitos que ainda geram dificuldades?

Um bom profissional nunca para de estudar. Muitos dariam qualquer coisa para ter um tempinho de voltar aos livros ou à sala de aula. Aproveite que você ainda tem esse tempo para se atualizar. Depois, quanto mais trabalho, menos disposição (e, claro, tempo) para se dedicar às leituras.

Descansar

Parece óbvio, mas não é. A gente arranja mil desculpas para se manter ocupado o tempo todo e, quando paramos por algumas horinhas, sentimos culpa por estarmos “fazendo nada”. Ser workaholic ou hiperativo é desgastante e rouba a energia que poderíamos colocar no trabalho, quando ele chegar.

Separe sempre um tempo para descansar, tanto o corpo quanto a mente. Ainda que o tradutor fique o dia todo sentado, o corpo está gastando tanta energia quanto a mente. Estamos digitando, folheando dicionários, as pernas e os braços na mesma posição durante horas… Tudo isso cansa.

Então, relaxe! Jogue-se no sofá e veja sua série favorita. Leia um livro por puro prazer. Deite na cama e ouça seu CD preferido. Tire um cochilo bom. Você vai ver como a disposição para o novo job que entrar estará bem mais renovada.

Exercitar-se

Muitos já encaixam uma atividade física no cronograma semanal, o que é ótimo para a saúde. Às vezes, nos intervalos, o que podemos fazer é incrementar nossos exercícios.

Por exemplo, se você faz musculação todos os dias ou algumas vezes na semana, os intervalos entre jobs seriam ótimos para um alongamento. Se você faz natação, que tal uma corrida ou caminhada no tempo livre?

Fazer pequenas tarefas domésticas

Parece um conselho maldoso, mas não é!

Suponhamos que você tem algumas horas entre um job finalizado e um novo que acabou de chegar. Você olha para os lados e há um copo sujo de suco na mesa, alguns livros fora da estante, uma loucinha na pia e umas blusas para lavar. Convenhamos que são coisas pequenas, que não exigem uma faxina com balde e esfregão.

Costumo me sentir bem melhor quando começo a trabalhar com o ambiente organizado, principalmente porque trabalho na sala. Então, para esticar as pernas, descansar os olhos e espairecer a mente vou arrumando as coisas devagarinho. Depois, espirro um aromatizante na sala ou acendo um incenso que não provoque rinite e volto mais feliz para o computador. E ainda tem o plus de trabalhar com o barulhinho da máquina de lavar ao fundo e o cheirinho do amaciante subindo. Sério, eu gosto!

Escrever um blog

Diz se não é uma dica legal? Eu adoro!

Escrever nesse blog é uma das coisas mais gostosas que faço nos intervalos entre jobs, por isso a recomendação. Claro que tem que ser algo prazeroso e que tenha conteúdo. Ter um blog só para dizer que tem não leva a nada e ninguém lê, seria desperdício de tempo. Mas se você acha que tem coisas bacanas a dizer, vá em frente. Pode ser sobre tradução ou sobre um hobby, não importa. Sendo agradável de fazer, a recompensa é imensa: novos contatos, novos amigos, chance de opinar sobre diversos assuntos, receber comentários que nos ensinam coisas novas…

Visitar a família e os amigos

Um dos pontos altos de ser tradutor freelancer é poder fazer uma visita ou sair para tomar um café com as pessoas que gostamos no meio da semana. Às vezes um amigo está de férias, sua mãe fez aquele bolo que você adora ou seu avô quer companhia para caminhar. Está com tempo? Está com tudo organizado? Vá sem culpa! Afinal, trabalho é importante, mas as pessoas que amamos são ainda mais 🙂

***

Tenho certeza de que vocês devem ter muitas outras dicas para aproveitar os intervalos entre jobs. Adoraria vê-las aqui embaixo, nos comentários. Quem sabe não adoto algumas também?

Anúncios

Tags:, , , , ,

7 responses to “O que fazer entre um job e outro?”

  1. Lucas says :

    Lorena não sou tradutor, mas sim porfessor, mas entre as coisas para se fazer entre um “job” e outro eu colocaria no top 3:

    1- Relaxar / Descançar (com moderação).

    2- Estudar

    3- Tirar tempo para curtir a família e amigos.

    O próximo passo seria com certeza procurar um novo “job”….

    I must confess I really like your blog!!!

    Please visit my blog:

    http://eslbrazil.blogspot.com

  2. sheilagomes1 says :

    Assistir minhas séries favoritas de TV, que são curtinhas e ajudam a afiar o inglês. E ler blogs sobre tradução, mídias sociais e freelancing.

    • Lorena Leandro says :

      Sheila, também adoro ver séries para melhorar o inglês. Faço isso desde minha adolescência, quando ainda engatinhava no inglês. Hoje é legal olhar para trás e ver o progresso que tive.

      Quanto a blogs e mídias sociais, sou suspeita, pois adoro também! Ando até meio viciada 😉

      Beijos!

  3. Natalia Serrano says :

    Olá Lorena, cheguei aqui por acaso, vi o link na comunidade de Tradutores/Intérpretes do Orkut. Gostei muito desse primeiro post, com certeza vou ler os outros. Acho que no intervalo entre jobs, é muito importante manter a calma, gostei muito das suas dicas.

    Um abraço

    • Lorena Leandro says :

      Oi Natalia, seja bem-vinda!

      Espero que goste dos outros textos também 🙂

      Você tocou em um ponto muito interessante: manter a calma. É difícil no começo e muitos podem desanimar. Por isso prospectar clientes está no primeiro lugar da lista, pois é uma maneira de não deixarmos cair a peteca e nos mantermos ocupados nos intervalos.

      Obrigada pela contribuição!

Trackbacks / Pingbacks

  1. Mexa-se! « Ao Principiante - 27/04/2011

Contribua para a discussão

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: