Como foi o V ProZ (III): colaborando e mostrando a cara

Há muitas e muitas maneiras de aproveitarmos um evento profissional. Uma delas é colaborar para que o evento seja um sucesso, em prol da nossa categoria. Mas como?

1) Seja um divulgador

Você pode divulgar o evento antes de ele acontecer, informando a data, o local, o programa e outros detalhes em seu site/blog, pelas redes sociais, por e-mail ou em conversas com outros colegas. Quanto mais gente ficar sabendo, mais participantes o evento terá, garantindo sua continuidade (e melhoria) nos próximos anos.

Durante o evento, você pode atualizar em tempo real os colegas que não foram, pelo Twitter ou pelo Facebook (e se você for bom de tecnologia, até pelo seu próprio site/blog). Normalmente, o pessoal usa uma hashtag no Twitter (a do Proz deste ano foi #RecifeConference) para que todo o conteúdo fique reunido nas buscas. Fiz isso este ano e, além de divertido, achei muito útil para “sentir” o andamento do evento.

O legal é que, assim, ganhamos novos seguidores nas redes e também descobrimos pessoas para seguir, o que só enriquece o intercâmbio entre os profissionais.

2) Seja participativo

Durante as palestras, várias pessoas deram opiniões e sugestões bastante relevantes para os assuntos discutidos. Ficamos conhecendo, por exemplo, novas formas de lidar com questões recorrentes e até programas que ajudam a produtividade. As próprias perguntas feitas aos palestrantes são importantes para enriquecer a discussão.

Se você tem algo que considere interessante acrescentar, perguntar ou sugerir, não fique envergonhado. Todo mundo sai ganhando com a troca de ideias. Participe ativamente!

3) Seja um colaborador

Não sei como foi nos outros anos mas, nesta edição, a organização do ProZ contou com a ajuda de voluntários durante o evento, selecionados previamente. Eles ajudaram no credenciamento, na entrega de microfones durante as palestras e na organização propriamente dita. Acho um modo muito legal de retribuir ao nosso setor e ainda ter uma experiência enriquecedora. Para os iniciantes, é uma excelente maneira de se integrar, conhecer gente nova e mostrar a que veio.

O próximo artigo da série trará o depoimento muito bacana de uma colega nossa que foi voluntária nessa edição do ProZ. Fique de olho!

4) Seja um palestrante

Por que não? Você não precisa ser convidado para ser um palestrante. Se você tem uma ideia diferente e gostaria de passá-la a outros colegas, pode enviar uma proposta para a organização e participar como palestrante. Ou, em eventos que têm painéis e pôsteres, preparar alguma coisa para apresentar. Quer oportunidade melhor do que essa para se fazer conhecer e, melhor ainda, passar conhecimento adiante?

Anúncios

Tags:,

Contribua para a discussão

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: